domingo, 3 de fevereiro de 2013

Entrevista à cavaleira praticante Andreia Oliveira:

A entrevistada desta semana foi a cavaleira praticante, Andreia Oliveira.


GA – Nome:
AO – Andreia Sofia Figueiredo Tomaz

GA – Idade:

AO - 17 anos.

GA - Onde nasceu?
AO - Santarém

GA – Desde já é um grande prazer poder-lhe fazer esta entrevista. Desde quando o gosto pela festa brava?
AO – O prazer é todo meu. Desde os meus 6 aninhos quando vi pela primeira vez uma corrida de toiros.

GA - Quem é, para si, a maior figura da nossa festa?
AO – António Telles.

GA - Como define o seu toureio?
AO – Diferente, tem um pouco de tudo desde o clássico até ao mais moderno.

GA - Como lhe correu a temporada de 2012?
AO – Penso que foi uma temporada positiva onde houve bons e maus momentos, bons e maus toiros, mas alguns triunfos conseguidos.



GA- Vai tirar a prova de praticante daqui a uma semana, como se sente?
AO- Confesso estar nervosa porque é uma grande responsabilidade, mas estou muito confiante.


GA - Onde pretende tirar a alternativa? Quem será o seu padrinho?

AO- Gostaria muito que fosse na capital, no Campo Pequeno, e como padrinho António Telles.


GA - Uma praça onde sente mais responsabilidade? Porquê?
AO - Em Salvaterra, pois, é na minha terra e é onde sinto mais responsabilidade pois existem muitas pessoas conhecidas e tenho sempre medo de errar, errar é humano mas eu não gosto de falhas.

GA - Um dia que recorde? Porquê?
AO – Dia 02 de Outubro de 2011, quando entrei pela primeira vez em praça, foi completamente inesquecível e marcante.

GA - Uma praça onde gostava de tourear?
AO – Campo Pequeno.

GA - Que ganadaria apresentou melhores toiros na temporada de 2012?
AO – Gostei muito dos toiros “Santos Silva”.


GA - Quais são os toiros mais fáceis de ser lidados? E os mais complicados?

AO – Tudo depende do toiro, não existem ganadarias boas nem más existem sim toiros com mais e com menos bravura.

GA - Quantas corridas está à espera de tourear, em 2013?
AO – Esta temporada vou tourear menos, mas melhor, talvez umas 6.

GA - Como se encontra a sua quadra para a próxima temporada? Tem novidades?
AO – Está igual, penso que estejam em forma para mais um ano.

GA - Por fim, deixe uma mensagem aos aficionados:
AO – A todos os aficionados um grande obrigado pelo apoio continuem a apoiar os toureiros e continuem a ir aos toiros porque a nossa grande afición marca a diferença.

GA – Muito obrigado pelo tempo disponibilizado e que a próxima temporada lhe corra pelo melhor.

Sem comentários:

Enviar um comentário